21ª RT DO MTG

21ª RT DO MTG

21ª RT do MTG

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

PARABÉNS 21ª RT, PELO 4ª LUGAR DA MOSTRA CULTURAL APRESENTADA NO ENART 2011

" PARABÉNS 21ª RT DO MTG "
 PELO 4ª LUGAR DA MOSTRA CULTURAL APRESENTADA NO ENART 2011.
REALIZADO NA CIDADE DE SANTA CRUZ.

De 08 à 20 de Novembro de 2011.

Agradecemos aos Titulados Regionais e Diretora Cultura da 21ªRT, pelo belo desempenho apresentado no ENART 2011, representando toda a 21ª RT:

1ª Prenda Adulta  da 21ª RT - DIOVANELI DUARTE SILVA
1ª Prenda Juvenil  da 21ª RT - MARILHA SOARES DA FONCECA
1ª Prenda Mirim   da 21ª RT - VICTORIA ETHYANE SILVEIRA LIMA
2ª Prenda Mirim   da 21ª RT - PAULINE ROMANO GOULART
Guri Farroupilha   da 21ª RT - LUCAS MADRUGA DE OLIVEIRA
Diretora Cultural  da 21ª RT - MILANE SOARES DA FONCECA

      E um agradecimento especial a o Peão Destaque Campeiro do CCTG Lila Alves - DIEGO AMARAL e ao Guri farroupilha do CCTG Lila Alves  - LEANDRO PERAÇA, pela  participação na incenação de uma comparça de esquila na Mostra Cultural.





     OBRIGADO! A TODOS QUE PARTICIPARAM E REPRESENTARAM A  21ª RT.

XX TCHÊNCONTRO REGIONAL DA 21ª RT 2011

       -  XX TCHÊNCONTRO REGIONAL DA  21ª RT  2011 -
                               
                                                    13 de Novembro de 2011- ( Pinheiro Machado )


   Foi realizado no dia 13 de Novembro de 2011 em Pinheiro Machado na sede do CCTG Lila Alves, o XX Tchêncontro Regional da 21ª RT do MTG, onde foi mostrado uma aula de cultura apresentadas por nossas Prendas e Peões dos municipios da 21ª RT, onde concorreream aos troféus, as Prendas e Peôes, nas suas respectivas categorias e  tambem o Trofeu de melhor Oralidade.






 Foram vencedores nas segintes categorias:
  Prenda Mirim - PRICILA ARAUJO FAGUNDES  -1ª Prenda Mirin do CCTG Lila Alves - Pinheiuro Machado.
  Prenda Juvenil - AMANDA GONÇALVES DOS SANTOS - 1ª Prenda Juvenil do CCTG Lila Alves - Pinheiuro Machado
 Prenda Adulta - BETANIA ZANETTE - 1ª Prenda Adulta do CTG Sinuelo de Canguçu
  Guri - TALISSON DOS SANTOS ORTIZ, Guri Destaque Campeiro do CCTG Lila Alves - Pinheiuro Machado
  Peão - JOSUE BANDEIRA GARCIA - Peão Farroupilha do CCTG Lila Alves - Pinheiuro Machado
 Melhor Oral - AMANDA GONÇALVES DOS SANTOS - 1ª Prenda Juvenil do CCTG Lila Alves - Pinheiuro Machado

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

" CRONOGRAMA DE EVENTOS TRADICIONALISTA "

" XX TCHÊNCONTRO  REGIONAL"  - 21ª RT

13 DE NOVEMBRO DE 2011.
 EM

 PINHEIRO MACHADO / RS


 

    Venham todos prestigiar a mais este belo evento de Tradicionalismo



























"  ENART 2011  "  -  5ª RT

26º EDIÇÃO

18 á 20 de NOVEMBRO DE 2011 -
EM

 SANTA CRUZ / RS -  

















 


















 
" 59º CONGRESSO TRADICIONALISTA GAUCHO " -  26ª RT

 06  á  08 DE JANEIRO DE 2012
EM

PELOTAS / RS


quinta-feira, 3 de novembro de 2011

- XXI TCHÊNCONTRO ESTADUAL E 45º ANIVERSARIO DO MTG -

 - XXI TCHÊNCONTRO  E 45º ANIVERSARIO DO MTG  -
ONDE A 21ª RT,  FOI BEM REPRESENTADA!

     Os Titulados regionais da 21ª RT, fizerão uma exelente apresentação, narrando sobre a historia da  Comparça da Canção de Pinheiro Machado, onde foi contado a historia de seu surgimento e sua edições, que durante durante estes anos todos onde foi, esta e permanecera o incentivo de cultivo a tradição, onde nossos  jovens titulados  tradicionalista,s com a ajuda e incentivo da coordenadoria regional da 21ªRT onde foi representada dignamente durante o evento.

                PARABENS!! 21ªRT..





   Nosso 1º Piá Farroupilha Regional, NYCOLAS SILVEIRA LIMA, ostentando o Orgulho de representar a 21ª RT, Juntamente com a bela 1ª prenda Mirim Regional , VICTORIA ETHYANE SILVEIRA LIMA,  uma bela familia tradicionalista!













     Um belo exemplo de amor a tradição, os Titulados Regionais da 21ªRT e Titulados do CCTG Lila Alves de Pinheiro Machado, onde representaram com orgulho a 21ªRT neste belo XXI Tchêncontro e 45ªaniversario do MTG.



                  PARABENS!!
A TODOS OS TRADICIONALISTAS...



terça-feira, 11 de outubro de 2011

" XXI TCHÊNCONTRO E 45º ANIVERSARIO DO MTG "

" XXI TCHÊNCONTRO ESTADUAL DA JUVENTUDE GAÚCHA 
E
45º ANIVERSARIO DO MOVIMENTO TRADICIONALISTA GAUCHO "

    Venhão todos dia 29 e 30 de Outubro a Cidade de  CANGUÇU para prestigiar este belo evento!

11/10/2011



segunda-feira, 10 de outubro de 2011

HOMENAGEM DO LEGISLATIVO MUNICIPAL DE PINHEIRO MACHADO A O MTG "

 " HOMENAGEM DO LEGISLATIVO MUNICIPAL DE PINHEIRO MACHADO "
                                                           A OS 
 " TITULADOS ESTADUAIS E REGIONAIS DO MTG  E DO CCTG LILA ALVES "

                                                       17/09/2011.


    Ocorreu no dia 17 de Setembro de 2011, na Camara Municipal de Pinheiro Machado, uma homenagem do legislativo local a os titulados de 2011, Estaduais, Regionais do MTG e da entidade local, após o almoço, realizado na cede  do CCTG Lila Alves a se deu o inicio a solenidade que foi conduzida pelo Presidente Jackson Cabral, o vice-presidente Vereador Molina e demais Vereadores. O Presidente do MTG foi representado pelo Conselheiro Luiz Carlos (que também já foi Coordenador daquela Região). 
   Estiveram presentes a solenidade alem das   autoridades, Tradicionalistas, convidados  tambem abrilhantaram o evento varias pessoas da comunidade local e cidades proximas e também da 21ªRT,


 Prendas Estaduais recebendo mimos e assinando o mural de prendas!

- MURIEL MACHADO LOPES - 2ª Prenda do Rio Grande do Sul - Cachoerira do Sul  5ª RT.
- MAIRA SIMÕES RODRIGUES - 3ª Prenda do Rio Grande do Sul -  Porto Alegre 1ªRT
- DAYALA MARINA UBESSI STREIT - 2ª Prenda Mirim do Rio Grande do Sul - Ibiruba 9ª RT.
                                                                    

"TITULADOS REGIONAIS "
 E DO
MUNICIPIO DE PINHEIRO MACHADO CCTG LILA ALVES

DIOVANELI DUARTE SILVA - Prenda Adulta - 21ª RT do MTG
JOSELI  DUTRA TAVARES -  2ª Prenda Juvenil - 21ª RT do MTG
VICTORIA ETHYANE SILVEIRA LIMA - 1ª Prenda Mirin - 21ª RT do MTG
MARIA OTAVIA MARIANI ROQUE - 1ª Prenda Mini-Mirin - 21ª RT do MTG
JULIANE BANDEIRA DA SILVEIRA - 1ªPrenda Dente de Leite - 21ª RT do MTG
LUCAS MADRUGA DE OLIVEIRA - Guri Farroupilha - 21ª RT do MTG
NYCOLAS SILVEIRA LIMA - Piá Farroupilha - 21ª RT do MTG.
LAURA BANDEIRA PIRES - 1ªPrenda Mini-Mirim  - CCTG Lila Alves
PRICILA ARAUJO FAGUNDES - 1ª Prenda Mirim - CCTG Lila Alves
MARIA EDUARDA OLIVEIRA PERAÇA - 2ª Prenda Mirim - CCTG Lila Alves
AMANDA GONÇALVES DOS SANTOS - 1ª Prenda Juvenil - CCTG Lila Alves
LETICIA BORGES RODRIGUES - Prenda Farroupilha - CCTG Lila Alves
KAUAN GARCIA SILVEIRA - Piá Farroupilha - CCTG Lila Alves
RAFAEL BANDEIRA NEKEL - Piá destaque campeiro - CCTG Lila Alves
LEANDRO DA SILVEIRA PERAÇA PEREIRA - Guri farroupilha -CCTG Lila Alves
TALISSON DOS SANTOS ORTIZ - Guri Destaque Campeiro -CCTG Lila Alves
JOSUÉ BANDEIRA GARCIA - Peão Farroupilha -  CCTG Lila Alves
DIEGO ALMEIDA AMARAL - Peão Destaque Campeiro -CCTG Lila Alves 

Titulados homenegeados!

  1ª Prenda Mirim da 21ª RT - VICTÓRIA ETHYANE SILVEIRA LIMA


 Mural das Prendas Regionais Tituladas 2011 da 21ª RT e Tituldas do CCTG Lila Alves 2011.

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

SEMANA FARROUPILHA EM PINHEIRO MACHADO - 2011


" SEMANA FARROUPILHA EM PINHEIRO MACHADO - 2011 "

15 DE SETEMBRO DE 2011.

    Venham todos a Terra de " Cacimbinhas"  hoje cidade de Pinheiro Machado, o maior desfile tematico do Rio Grande do Sul, que é realizado todo o dia no dia 20 de Setembro , em comemoração a Semana Farroupilha.
  
   
                  Vejam todos ver nosso tradicionalistas Cultivando a Tradição, com muito orgulho, dando um exemplo "PAR" a nossos jovens, futuros amantes da Tradição Gaucha!

                                                                   VENHAM TODOS!!

sábado, 10 de setembro de 2011

ACENDIMENTO DA CHAMA CRIOULA E INAUGURAÇÃO DO BUSTO " BARBOSA LESSA" NA CIDADE DE PIRATINI.

 - ACENDIMENTO DA CHAMA CRIOULA E INAUGURAÇÃO DO BUSTO -
 " BARBOSA LESSA"
NA CIDADE DE PIRATINI.

09 de Setembro de 2011.

   O acendimento da chama criuola, que se realizou no dia 09 de setembro de 2011, na cidade de Piratini, a solenidade teve a presença de varias autoridades, e representantes da 21ª RT do MTG, juntamente com os titulados regionais e titulados de entidade de varios CTGs e PTGs das nove cidades pertencentes a 21ª RT, entre as cidades, Pinheiro Machado, Canguçu, Pedro Osorio e outras, com suas comitivas de cavalarianos.

        Todos demostraram o orgulho de estarem presentes a este grande evento de amor a Tradição Gaucha.











      As nossas Prendas e Guris e Pias, demonstraram a todos a felicidade e em estar presente a este grande evento de amor a Tradição que estavam estampados em ses rostos, o orgulho de portarem suas faixas e crachas os titulados da região e de entidades que estavam presentes.








     O ponto mais, emocionante que todos viveram durante a bela tarde na cidade de Piratini foi a inauguração do Busto de " BARBOSA LESSA" , onde sua esposa Srª Nilza Lessa, que inaugurou o Busto, com muita emoção, diante de todos os presentes.







  







  Após o acendimento da chama, e da realização da cerimonia, as comitivas que ali estavão, se preparavam para retorna as sua cidades levando a chama do Tradicionalismo.




segunda-feira, 5 de setembro de 2011

ENCONTRO DE PATRÕES - E 2ª MOSTRA REGIONAL DE ARTE E CULTURA DA 21ªRT

                                    " ENCONTRO DE PATRÕES DA 21ª RT do MTG "
                                                                          E
                         " 2ª MOSTRA REGIONAL DE ARTE E CULTURA DA 21ª RT "

                                             04 de Setembro de 2011  - Piratini / RS


      Ocorreu no ultimo domingo dia 04 de Setembro de 2011, com inicio as 09:00h na sede do CTG Negrinho do Pastoreio, organizado e promovido pelo PTG Rastro de Farrapos, encontro de Patrões da 21ªRT e 2ª Mostra Regional de Arte e Cultura, onde estiveram presentes varias entidades Tradicionalistas Regionais e do MTG, onde foram debatidos varios assuntos relacionados campeira, entre elas as entidades que sediaram as clasificatorias da FECARS, Os calendarios das datas de rodeios 2012, que foram marcados no domingo aterior a este encontro de patrões.
         A analise e concordancia da formação de uma comissão para avaliar o merito do recurso impetrado pelo CTG Minuano da cidade de Herval, sobre o resultado do concurso das prendas da categoria mini-mirim regional ocorrido no dia 25 e 26 de junho de 2011, devido a inconcordancia do resultado da referida categoria,  sera dado o resultado final no proximo encontro de patrões da 21ªRT.






 Sede do CTG Negrinho do Pastoreio / PIRATINI.







         
        Durante o encontro foi apresentado pelos titulados Regionais e Titulados do CCTG Lila Alves e CTG Raul Silveira, a 2ª Mostra Regional de Arte e Cultura, onde o tema selecionado no ano de 2011, e sobre  " FESTIVAIS" CCTG Lila Alves apresentou a Comparsa da Canção e suas edições, e CTG Raul Silveira,  apresntou Festival Canto dos Cardeais e suas edições, onde as prendas e peões que apresentaram a mostra, mostraram-se orgulhos em suas dicertações sobre o conteudo apresentado e a grande gama de material reunidos que foram apresentado na mostra pela entidades participantes, deixando todos os tradiconalistas, pais e simpatizantes do movimeto presentes no evento e orgulhosos de ver os jovems cada vez mais integrados no Tradicionalismo.





Mostra  CTG Raul Silveira / CANGUÇU.














O orgulho das belas prendas do CTG Raul Siveira  estampados em suas face.











Mostra CCTG Lila Alves / PINHEIRO MACHADO












Mostra CCTG Lila Alves / PINHEIRO MACHADO 










     Os Titulados do CCTG Lila Alves 2011 e Titulados Regionais e Guri destaque campeiro do rio Grande do Sul 201,  todos pertencentes ao CCTG Lilal Alves, estampando orgulho em suas faces.





Estiveram presentes ao evento as seguintes entidades e seus patrões:

CTG - Minuano / Heval   -  Jorge Luis Riberio
CTG - Tropeiros da Querencia / Arroio Grande  - João Selisberto Vieira
CTG - Lucido Saraiva do Amaral / Canguçu - Silvio Borges do Amaral
CTG - Joaquim Paulo de Freitas / Canguçu - Jesus Fernando Ferreira
CTG - Negrinho do Pastoreio / Piratini - Milton Luis Madruga Garcia
CCTG - Lila Alves / Pinheiro Machado - Jorge Bandeira de Melo
CTG - Sentinela das Coxilhas / Canguçu - Paulo do Amaral Aires
CTG - Sinuelo / Canguçu - Claudionir Oliveira dos Santos
CTG -  Raul Silveira / Canguçu - José Pedro da Silva Cavalheiro
CTG - Lanceiros da Querencia / Jaguarão  - Octavio Birutos Chavier
CTG - Tropeiro da Amizade / Canguçu -  Renato Zanetti da Silva
CTG - Lanceiros do Sul / Canguçu - Reginei Peres da Rosa
PTG - Tropilha Laço da Amizade / Piratini - Alcino Garcia Martins
PTG - Est. Dr. Vieira da Cunha / Piratini - Luis Fernando Manetti
PTG - Rastros de Farrapos / Piratini - Roberto Farias Garcia
PTG - Aberta do Cerro / Pinheiro Machado - João Clovis Luis
PTG - Cincerro / Canguçu - Gelson Bergmann
PTG - Lanceiros de Maua / Arroio Grande - Afonço Reys Garcia
PTG - Cerca de Pedra /  Canguçu - Luis Felipe Barbosa Couto
PTG - Sentinela da Fronteira /  Herval - Jorge Luiz Ribeiro
PTG - Honra da Tradição / Canguçu - Enio Duarte Peres
             Estiveram presentes ao evento, os representantes do Legislativo e Executivo municipal de Pirtaini, os Senhores:
              Vereador - JUARES MACHADO DE FARIAS
              Secretario de Turismo e Cultura - SERGIO MOACIR DE CASTRO
       E presidindo a Mesa, os Senhores:
Coordenador da 21ª RT - JACSON LUIS ALVES PEREIRA
Secretario da 21ª RT - CLAUDIOMAR OLIVEIRA
Concelheiro do MTG - FABIO BRAGA MATTOS


                  A beleza Tradicionalista que abrilhantaram o evento, na forma de nossa crianças!


terça-feira, 30 de agosto de 2011

Ciranda Cultural de Prendas e Entrevero de Peões, Fase Interna CCTG - LILA ALVES

" PINHEIRO MACHADO "
  -  CIRANDA CULTURA E ENTREVERO DE PEÕES - FASE INTERNA - CCTG LILA ALVES -

 27 DE AGOSTO DE 2011












   Ocorreu no ultimo dia 27 de Agosto de 2011 na sede do CCTG Lila Alves , Ciranda Cultural de Prendas e Entrevero de Peões fase Interna, teve inicio as no dia 26 de Agosto de 2011, sexta -feira com a prova teoricas, (Escrita) dos concorrentes, realizada na escola Municpal Avelino Assis Barsil as 19:00h,  e na manã de domingo teve inicio apartir das 08:00h  com o café da manhã dos concorrentes com os avaliadores, logo em seguida ocorreu as provas de galpão e campeiras e mostracultural. 
       Após realizada as provas, na parte da manhã,  foi servido um almoço a todos os presentes e as 14:00h teve inicio as provas artisticas no decorrer da tarde com termino as 18:00h, e enseguida as 22:00h ocorreu o baile organizado em parceria com o PTG Xirú e durante o decorrer do baile foi anunciado o resultado do concurso.










        

  Peões realizando provas de encilhas, sendo observados bem de perto, pelos avaliadores. 

                   Provas de galpão realizou-se a charqueda, chimarrão e outras, conforme cronograma.
Foram avaliadores:
Srª MILENA DE OLIVEIRA ABOTT - 18º RT do MTG 
Srª JUSSARA SENNA MARTINS - 6º  RT do MTG 
Srº RAMIERI SOUZA -  16º RT do MTG  
Srº LUIZ ALBERTO LOUZADA - 6º RT do MTG
Srº ROBITO MACIEL - 21º RT do MTG  
Comição Integralizadora:
Srª SANDRA PERAÇA
Srº ALEXANDRE TEIXEIRA LOPES
Srº GILBERTO DA SILVA GONÇALVES
Tambem se fez presente ao evento :
LUCAS ROSA - Guri Destaque Campeiro do Rio Grande Do Sul do MTG
GABRIEL DA SILVA GOMES - Guri Farroupilha da 6ª RT do MTG
DIOVANELI DUARTE SILVA - Prenda Adulta - 21ª RT do MTG
JOSSELI  DUTRA TAVARES -  2ª Prenda Juvenil - 21ª RT do MTG
VICTÓRIA ETHYANE SILVEIRA LIMA - 1ª Prenda Mirin - 21ª RT do MTG
MARIA OTAVIA MARIANI ROQUE - 1ª Prenda Mini-Mirin - 21ª RT do MTG
JULIANA BANDEIA DA SILVEIRA - 1ªPrenda Dente de Leite - 21ª RT do MTG
LUCAS MADRUGA DE OLIVEIRA - Guri Farroupilha - 21ª RT do MTG
NYCOLAS SILVEIRA LIMA - Piá Farroupilha - 21ª RT do MTG.
Foram concorrentes representado seus PTGs e ou Entidades Tradicionalistas sendo titulados:
LAURA BANDEIRA PIRES - 1ªPrenda Mini-Mirim  - PTG Lila Alves
PRICILA ARAUJO FAGUNDES - 1ª Prenda Mirim - PTG Querencia
MARIA EDUARDA OLIVEIRA PERAÇA - 2ª Prenda Mirim - PTG Lila Alves
AMANDA GONÇALVES DOS SANTOS - 1ª Prenda Juvenil - PTG Lila Alves
LETICIA BORGES RODRIGUES - Prenda Farroupilha - PTG - LilalAlves
KAUAN GARCIA SILVEIRA - Piá Farroupilha - PTG - Pampa e Fronteira
RAFAEL MBANDEIRA NEKEL - Piá destaque campeiro - PTG - Lila Alves
LEANDRO DA SILVEIRA PERAÇA PEREIRA - Guri farroupilha - PTG - Rafael Pinto Bandeira
TALISSON DOS SANTOS ORTIZ - Guri Destaque Campeiro - PTG - Gardiões da Olaria

JOSUÉ BANDEIRA GARCIA - Peão Farroupilha -  Grupo de Projesão Folclorica Alma Pampeana
DIEGO ALMEIDA AMARAL - Peão Destaque Campeiro - PTG -  Rafael Pinto Bandeira

                                                        Mostra cultural do concurso de Prendas!

                          Prendas Recebendo as Faixas durante o baile no CCTG Lila Alves

                  O orgulho de cultivar o Tradicionalismo esta estampado na face dos concorrentes titulados neste dia e é com grande Orgulho qua parabenizo a patronagem e o departamento cultural do CCTG, pelo grande evento apresentado a comunidade Pinheirense, onde foi mostrado a todos a paixão destas crianças e adolecentes pelo Tradicionalismo e o orgulho dos pais que ali estavão.

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

ATO CIVICO E O TRADICONALISMO JUNTOS EM PINHEIRO MACHADO

ATO CIVICO -  JURAMENTO A BANDEIRA !
       Os representantes do Tradicionalismo Gaucho, convidados para um ato civico no Teatro Municipal de Pinheiro Machado, em 18/08/2011 as 14:30Hr, onde a condução do Pavilhão Nacional, prestadas pelo Guri Destaque Campeiro do Rio Grande do Sul 2011,  Lucas Rosa e as Prendas Tituladas 2011; 1ª Prenda Mrim da 21ª Tradicionalista do MTG, Victoria Ethyane Silveira Lima e a 2ª Prenda Juvenil da 21ª Região Tradicionalista do MTG, Joseli  Dutra Tavares, onde representaram com orgulho o nosso CCTG Lila Alves e o MTG no ato civico de juramento a Bandeira, prestados pelos jovens que foram dispençados do serviço Militar, onde estiveram presentes Oficiais e Graduados e Soldados do Exercito Brasileiro da junta de inspeção Militar do 25º GAC da cidade de Bagé, ao termino da Inspeção Militar, juntamente com representantes do Legislativo e Executivo Municipal, contando ainda com a presença do 1ºSgt Jorge Luis Nachtigall Vaz, Comandante do 5º Pelotão da Brigada Militar de Pinheiro Machado, e representantes de outros orgãos Municipais e estaduais e integrantes da Comunidade Pinherense.


                                             Juramento a Bandeira , pelos jovens reservistas!

                    Um ato que orgulha a todos nós de sermos em primeiro lugar Brasileiros e Gauchos! 

                                       Nossos Tradicionalistas Orgulhosos de cultivarem a Tradição!

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

CHAMA CRIOULA 2011

                       " VAMOS GAUCHADA A SEMANA FARROUPILHA ESTA CHEGANDO!"
       

 

 Vamos todos participar! e cultivar a Tradição!!

sábado, 30 de julho de 2011

DAS PILCHA PARA ATIVIDADES TRADICIONALISTAS SEGUNDO - MTG




   DA PILCHA
PARA ATIVIDADES
ARTÍSTICAS E SOCIAIS




 PILCHAS MASCULINAS E FEMININAS








 BOMBACHAS:Tecidos: brim (não jeans), sarja, linho, algodão, oxford, microfibra.
Cores: claras ou escuras, sóbrias ou neutras, tais como marrom, bege, cinza, azulmarinho,verde-escuro, branca, fugindo as cores agressivas, fosforescentes, fugindo dascores contrastantes e cítricas, como vermelho, amarelo, laranja, verde-limão, cor-de-rosa.Padrão: liso, listradinho e xadrez discreto.
Modelo: cós largo sem alças, dois bolsos na lateral, com punho abotoado no tornozelo.Favos: O uso de favos e enfeites de botões, depende da tradição regional. As bombachas podem ter, nos favos, letras, marcas e botões. Obs.: roupas de época não podem ter marcas. Largura: com ou sem favos, coincidindo a largura da perna com a largura da cintura, ouseja, uma pessoa que use sua bombachas no tamanho 40, automaticamente deverá ter,aproximadamente, uma largura de cada perna de 40 cm. Obs- A largura das bombachas, na altura das pernas, deve ser tal que a caracterize como tal enão seja confundida com uma calça.- As bombachas deverão estar sempre para dentro das botas. - É vedado o uso de bombachas plissadas e coloridas.
- CAMISA:
Tecido – preferencialmente algodão, tricoline, viscose, linho ou vigela, microfibra( não
Obs - BOTAS:  É vedado o uso de botas brancas. As botas “garrão de potro” são utilizadasexclusivamente com traje de época. A altura do cano varia de acordo com a região. Normalmente o cano vai até o joelho.- COLETE: Modelo tradicional (do mesmo tecido e cor das bombachas, podendo ser tom sobre tom),sem mangas e sem gola, abotoado na frente com a parte posterior (costas) de tecido leve,ajustado com fivela, de uma cor só, no comprimento até a altura da cintura.
- CINTO (GUAIACA): fivelas frontais, ou de couro cru, com ou sem guaiacas, mas sempre com uma ou duas fivelas frontais, ambos deverão ter no mínimo 7cm de largura. CHAPÉU: com as características regionais.Obs- PALETÓ:cor das bombachas. LENÇO: Com o uso do passador de lenço, com a medida de 30 cm a partir deste. Nas coresvermelho, branco, azul, verde, amarelo e carijó nas cores supra citadas. É possível, ainda,carijós em marrom ou cinza. FAIXA: (algodão), de 10 a 12 cm de largura.
 ESPORAS: coreográficas de danças tradicionais é admissível o seu uso. PALA: Poderá ser usado no ombro, meia-espalda, atado da direita para a esquerda. Poderá ser usado em todos os trajes.
- FACA:  atividades sociais.
2. PILCHA FEMININA:
- SAIA E BLUSA OU BATA: representar a mesma classe social do homem.Saia com a barra no peito do pé, godê, meio-godê ou em panos.Blusa ou bata de mangas longas, três quartos ou até o cotovelo (vedado o uso de “boca de sino” ou “morcego”), decote pequeno, sem expor os ombros e os seios, podendo ter gola ou não.Tecidos: lisos e mais encorpados, sem usar enfeites dourados, prateados, pinturas à óleoe demais tintas e purpurinas, bordados, ter o cuidado de escolher cores harmoniosas e
lisas, esquecendo as cores fortes, berrantes e fosforescentes.
- SAIA E CASAQUINHO: sem bordados.Tecidos: lisos e mais encorpados, não transparente, sem usar enfeites dourados, prateados, pinturas à óleo e demais tintas e purpurinas. Bordados discretos, ter o cuidadode escolher cores harmoniosas e lisas, esquecendo as cores fortes, berrantes e
fosforescentes.Casaquinho: de mangas longas (vedado o uso de mangas “boca de sino” ou “morcego”) gola pequena e abotoado na frente. Obs.: Saia com casaquinho (roupa de época), a saia deve ser lisa. No casaquinho poderá ter bordados discretos. VESTIDO: de saia no peito do pé, corte godê, meio-godê, franzido com ou sem babados. Mangas – longas, três quartos ou até o cotovelo, admitindo-se pequenos babados nos punhos, sendo vedado o uso de “mangas boca de sino” ou “morcego”.Decote – pequeno, sem expor ombros e seios.Enfeites – de rendas, bordados, fitas, passa-fitas, gregas, viés, transelim, crochê, nervuras, plisses, favos. É permitida pintura miúda, com tintas para tecidos. Não usarpérolas e pedrarias, bem como, os dourados ou prateados e pintura a óleo e demais tintasou purpurinas.Tecidos - lisos ou com estampas miúdas e delicadas, de flores, listras, petit-poa e xadrez delicado e discretos. Podem-se ser usados tecidos de microfibra, crepes, oxford. Não serão permitidos os tecidos brilhosos ou fosforescentes, transparentes, slinck, lurex, rendão e similares. Cores – devem ser harmoniosas, sóbrias ou neutras, evitando-se contrastes chocantes.
Não usar preto, as cores da bandeira do Brasil e do RS (combinações) Na categoria mirim: não usar cores fortes (ex: marrom, marinho, verde escuro, roxo, bordô,pink, azul forte).
- SAIA DE ARMAÇÃO: concentrar nos rodados da saia, evitando-se o excesso de armação. O comprimento deveser inferior ao do vestido.
- BOMBACHINHA: cujo comprimento deverá ser mais curta que o vestido.- MEIAS:nudez das pernas.
- SAPATOS: peito do pé, que abotoe do lado de fora ou botinhas pretas, marrom (vários tons de
marrom). O salto da botinha é de 5cm. Não é permitido: Uso de sandálias e nem de sapatos abertos com vestidos, saias ecasacos e saia e blusa.(em nenhum momento é permitido o uso de sapatos abertos compilcha feminina).
- CABELOS: naturais ou artificiais, sem brilhos ou purpurinas.Obs :As flores poderão ser usados por prendas adultas e juvenis, bem como, um pequeno passador (travessa). As prendas mirins não usam flores. Proibido o uso de plástico.- MAQUIAGEM: OBSERVAÇÕES:
a. Nas atividades de serviço (torcida, atividades nas escolas, eventos campeiros), a
prenda poderá usar: saia e blusa, bombachas feminina (lisa, sem bordado, com abertura
lateral) e camiseta em manga com gola “V” ou redonda, com o símbolos da entidade, da
Região Tradicionalista ou do MTG, chinelo campeiro (de couro), alpargata, alpargata de
couro.
b. Nos Congressos, Convenções, Concursos de Prendas, Concurso de Peões (parte
artística), Encontros Regionais, Visitas Sociais, não é permitido o uso de bombachas
feminina.
c. A faixa das prendas deverá ser substituída por crachá sempre que estiver com o
traje alternativo ou de bombachas.
d. A Categoria Mirim (masculino e feminino) usará pilcha de acordo com o que
prescreve o “Livro de Indumentárias”, editado pelo MTG.
Vedado o uso de camisas de cetim e estampadas. De couro liso nas cores: preto, marrom (todos os tons) ou couro sem tingimento. Se usar paletó poderá dispensar o colete. : tendo de uma a três guaiacas, internas ou não, com uma ou duas de feltro ou pelo de lebre com abas a partir de 6 cm, com a copa de acordo . É vedado o uso de boinas e bonés. : usado especialmente para ocasiões formais, podendo ser do mesmo tecido e : é vedado o uso de túnicas militares substituindo o paletó. no caso do uso com algum tipo de nó, com a medida de 25 cm a partir deste. : Opcional, se usada deverá ser lisa, na cor vermelha, preta de lã ou bege cru : trata-se de peça utilizada nas lides campeiras. Nas representações : é vedado o uso de esporas em bailes e fandangos : De uso opcional. Se usado deverá ser no tamanho padrão, com abertura na gola. : O uso da faca é opcional nas apresentações artísticas e vedado nas demais Nas apresentações artísticas, o traje feminino deve Saia com a barra no peito do pé, godê, meio-godê ou em panos, Inteiro e cortado na cintura ou de cadeirão ou ainda corte princesa com barra Leve e discreta, na cor branca. Se tiver bordados, estes devem se Branca, de tecido, com enfeites de rendas discretas, abaixo do joelho, Devem ser de cor branca ou bege e longas, o suficiente para não permitir a Nas cores preta, marrom e bege, com salto 5 ou meio salto, com tira sobre o Podem ser soltos, presos, semi-presos ou em tranças, enfeitados com flores .: O coque é permitido somente para prendas adultas e veteranas. Discreta de acordo com a idade e o momento social.
II - DA PILCHA CAMPEIRA
Indumentária a ser utilizada nas atividades campeiras, tais como rodeios, cavalgadas,
desfiles e outras lidas.
1. PILCHA MASCULINA:
- LENÇO:
Com o uso do passador de lenço, com a medida de 30 cm a partir deste. Nas coresvermelho, branco, azul, verde, amarelo e carijó nas cores supra citadas e o peti pua, nascores : preto com bolinhas brancas, branco com bolinhas pretas, branco com bolinhasvermelhas, vermelho com bolinhas brancas, azul com bolinhas brancas e branco combolinhas azuis. É possível, ainda, carijós em marrom ou cinza.frontal, em cores sóbrias, de acordo com as determinações regionais. Sendo vedado o usode camiseta e camisa gola pólo.Obsfivelas frontais. Ou de couro cru, com ou sem guaiacas, sempre com uma ou duas fivelas frontais. Ambos deverão ter no mínimo 7cm de largura. quando tiver um reforço na parte superior (cintura) imitando um cinto, com ou sem guaiacas e que tenha no mínimo uma fivela de tamanho grande (5 a 7cm).
cintura, ou seja, uma pessoa que use sua bombacha no tamanho 40, automaticamente deverá ter, aproximadamente, uma largura de cada perna de 40 cm. - A largura das bombachas, na altura das pernas, deve ser tal que a caracterize como
tal e não seja confundida com uma calça. - As bombachas deverão estar sempre para dentro das botas. para as demais categorias. Sempre usado no calcanhar e com rosetas não pontiagudas. exceto na gineteada, vedado para piás e guris e facultativo para as demais categorias. Quando utilizada, a faca deverá ter no mínimo 15cm e no máximo 30cm de lâmina e seradequada ao uso campeiro.

  





                                    2. PILCHA FEMININA:

Obs:  as características regionais.CHAPÉU: de feltro ou pelo de lebre com abas a partir de 6 cm, com a copa de acordo com BARBICACHO: de couro , sola ou crina, podendo ter algum enfeite de metal. no caso do uso com algum tipo de nó, com a medida de 25 cm a partir deste. CAMISA: estilo social, com mangas longas ou curtas, com colarinho e botões na parte CINTO (guaiaca): CINTO (GUAIACA): tendo de uma a três guaiacas internas, ou não, TIRADOR: de uso opcional, exceto para pealar. Quando usado, este substituirá o cinto FAIXA: de uso opcional. Quando usada deverá ser acompanhada do cinto e ser de lã, nas BOMBACHAS: com ou sem favo, sem bordados e sem pregas costuradas. Podendo ser BOTA: de couro, nas cores preta, marrom e amarela (baia). ESPORAS: de uso opcional. Quando utilizadas, deverão ser dotadas de rosetas não FACA: de uso opcional. Indumentária a ser utilizada nas tividades esportivas, tais como jogos de truco, bocha campeira, tava, etc.
CHAPÉU: de feltro ou pelo de lebre com abas a partir de 6 cm, com a copa de acordo com . É vetado o uso de boinas e bonés. BARBICACHO: de couro cru, sola ou crina, podendo ter algum enfeite de metal. no caso do uso com algum tipo de nó, com a medida de 25 cm a partir deste. CAMISA: estilo social, com mangas longas ou curtas, com colarinho e botões na parte CINTO (Guaiaca): tendo de uma a três guaiacas, internas ou não, com uma ou duas FAIXA: de uso opcional. Quando usada deverá ser de lã, nas cores preta ou vermelha. BOMBACHAS – com ou sem favos, coincidindo a largura da perna com a largura da . BOTA: de couro, nas cores preta, marrom e amarela (baia). FACA: é vedado o seu uso.
copa de acordo com as características regionais, porém para as provas realizadas em locais cobertos, é vedado o seu uso.
Obs: LENÇO: Com o uso do passador de lenço, com a medida de 30 cm a partir deste. Nas coresvermelho, branco, azul, verde, amarelo e carijó nas cores supra citadas. Ainda, carijós emmarrom ou cinza.frontal, podendo ter cortes e características femininas (rendas, babados, etc), em cores sóbrias, de acordo com as determinações regionais. Sendo vedado o uso de camiseta e camisa gola polo.fivelas frontais, ou de couro cru, com ou sem guaiacas, mas sempre com uma ou duasfivelas frontais, ambos deverão ter no mínimo 7cm de largura. cores preta ou vermelha.de estilo feminino, ou seja, com aberturas laterais. A largura das bombachas, na altura da perna, será, aproximadamente, a mesma largura da cintura. Naturalmente as bombachas femininas serão mais estreitas do que as masculinas. Obs. Poderão ser usados ainda, os demais trajes femininos descritos nestas  diretrizes.
OBSERVAÇÕES GERAIS PARA TODAS AS SITUAÇÕES:
CHAPÉU: de uso opcional, de feltro ou pelo de lebre com abas a partir de 6 cm, com a . É vedado o uso de boinas e bonés. BARBICACHO: de couro cru, sola ou crina, podendo ter algum enfeite de metal. no caso do uso com algum tipo de nó, com a medida de 25 cm a partir deste. CAMISA: estilo social, com mangas longas ou curtas, com colarinho e botões na parte CINTO (Guaiaca): tendo de uma a três guaiacas, internas ou não, com uma ou duas FAIXA: de uso opcional. Quando usada deverá ser acompanhada do cinto e ser de lã, nas BOMBACHAS: com ou sem favo, sem bordados e sem pregas costuradas. Podendo ser BOTA: de couro, nas cores preta, marrom e amarela (baia). FACA: é vedado o seu uso.
É vedado, por não fazerem parte da indumentária tradicional do gaúcho:
a. Bonés e boinas;
b. Barbicachos exclusivamente de metal;
c. Chapéus de couro, palha, ou qualquer material sintético;
d. Cinto com rastra (enfeite de metal com correntes na parte frontal);
e. Botas de borracha ou de lona.
Diretrizes revisadas na 75ª Convenção de São Gabriel.
INDUMENTÁRIA ALTERNATIVA FEMININA:
-AS REGIÕES TRADICIONALISTAS QUE APRESENTARAM SEUS TRAJES ALTERNATIVOS ATE 30 DE NOVEMBRO DE 2008 CONFORME ORIENTAÇÃO DA PORTARIA 30/08 (1ª,4ª,5ª,6ª e 13ª) E COM A DOCUMENTAÇÃO SOLICITADA, TERÃO ESTES TRAJES CONSIDERADOS, TRAJES ALTERNATIVOS REGIONAIS QUE PODERÃO OU NÃO, SER USADOS NAS ATIVIDADES DESCRITAS ABAIXO. -AS DEMAIS REGIÕES PODERÃO A QUALQUER TEMPO, ENCAMINHAR AO MTG SEU STRAJES ALTERNATIVOS PARA APRECIAÇÃO E HOMOLOGAÇÃO DA VICEPRESIDENCIA DE CULTURA E CONSELHO DIRETOR. -OS TRAJES ALTERNATIVOS APROVADOS PELO MTG, PODERÃO SER ADOTADOS POR OUTRAS REGIÕES.
-REGULAMENTAÇÃO DO USO DE TRAJE ALTERNATIVO FEMININO:
1-O TRAJE ALTERNATIVO NÃO DEVERA SER USADO em situações que, tenham caráterde formalidade, competições artísticas/culturais, esportivas, CFOR, palestras, seminários, Seuniões do Conselho Diretor, Reuniões de Coordenadores, Encontros de Patrões, Ciranda Cultural de Prendas, ENART (quando participantes), Convenções e Congressos, Bailes, Fandangos e Domingueiras. 2-O TRAJE ALTERNATIVO PODERÁ SER USADO para situações de trabalho e ou informais tais como: atividades campeiras, participação em eventos campeiros, serviço de secretaria nos rodeios, atividades ligadas ao CTG núcleo de fortalecimento da cultura gaúcha, fase campeira do Entrevero Cultural de Peões, atividades festivas diurnas (sem baile) nos CTGs, FECARS, e para exclusiva visitação em eventos como o ENART, Rodeios Artísticos, Semana Farroupilha e outros.
3-O TRAJE ALTERNATIVO NÃO PODE SER CONFUNDIDO COM UNIFORME, este deverá
ser a critério da Entidade podendo ser usado exclusivamente em situações informais e no
SAT (grupos de dança).
4- A BOMBACHA FEMININA, conforme as Diretrizes de Indumentária do MTG, não se
enquadra em traje alternativo, mas sim, indumentária campeira feminina e poderá ser usada
apenas em eventos campeiros ou em uniformes para grupos de dança..
- DIRETRIZES APROVADAS PELA 73ªA CONVENÇÃO EXTRAORDINÁRIA DE CANGUÇU/2009.
MOVIMENTO TRADICIONALISTA GAÚCHO DIRETRIZES PARA AS ENCILHAS DOS EQÜINOS NAS ATIVIDADES CAMPEIRAS
O Movimento Tradicionalista Gaúcho, reunido na 67ª Convenção Tradicionalista Gaúcha,realizada em 29 e 30 de julho de 2005, na cidade de Tramandaí, aprovou as presentes DIRETRIZES para as encilhas dos eqüinos nas atividades campeiras, com alterações introduzidas pela 69ª Convenção Tradicionalista Extraordinária, realizada no dia 20 de maio de 2006, na cidade de Bento Gonçalves.
As encilhas dos animais serão compostas das peças conforme citações e descrições que seguem:
em couro ou feltro.feltro. torcido, com as tramas em algodão ou couro. Podendo ter algum detalhe colorido nas tramas junto as argolas. mento. torcido, com as tramas em seda ou couro. Podendo ter algum detalhe colorido nas tramas
junto as argolas. plásticas, podendo ser pintado, nas cores preta ou marrom, desde que se visualize a trança. revestido de couro ou não, trançado (rabo de tatu), com ou sem argola e com tala de, no mínimo 5cm de largura por 30cm de comprimento, deverá ser usado sempre no pulso.  destes dois materiais. retovados de couro.
JOGO DE CORDAS
XERGÃO ou BAIXEIRO: de lã natural. CARONA: de sola, de couro cru ou lona em ambos os lados. A carona pode ser forrada ARREIOS: bastos, lombilhos, serigotes-cela ou serigote, com as basteiras de couro ou TRAVESSÃO e LÁTEGOS: de couro cru ou sola. BARRIGUEIRA do TRAVASSÃO – de algodão, seda (sem tingi mento), crina ou couro PELEGO ou “COCHONILHO”: branco, preto marrom, sempre natural, ou seja, sem tingi BADANA: de uso opcional. Quando usada sempre em couro. SOBRE-CINCHA e LÁTEGOS: de couro cru ou sola. BARRIGUEIRA da SOBRE-CINCHA: de algodão,seda (sem tingi mento), crina ou couro LAÇO: de couro cru, não podendo ser emborrachado ou ainda revestido com fitas MANGO; de couro cru. Com adornos em prata, metal ou chifre, com cabo de madeira, LOROS: de couro cru ou sola, não podendo ter nenhum tipo de reforço que não seja ESTRIBOS: de ferro, inoxidável, latão, bronze, prata, alpaca, osso ou chifre, podendo ser que não seja destes materiais, nas cores, branca, preta ou marrom (cores naturais da lã), as de algodão, deverão ser na cor natural (sem tingi mento).
- O BUÇAL c/CABRESTO, PEITEIRA e RABICHO: são de uso opcional, porém quando usados deverão respeitar as características das cordas mencionadas acima.

 
CORDAS DE CABEÇA: deverão ser de couro. RÉDEAS: deverão ser de couro, lã, crina ou algodão, sem nenhum tipo de reforço interno Obs. É vetado o uso de rédeas de couro de cabrito (Paraíba) que tem fio de nylon interno.
1. PILCHA MASCULINA

as características regionais, porém para as provas realizadas em locais cobertos, é vetadoo seu uso. Obs- LENÇO:Com o uso do passador de lenço, com a medida de 30 cm a partir deste. Nas cores vermelho, branco, azul, verde, amarelo e carijó nas cores supra citadas. Ainda, carijós em marrom ou cinza. frontal, em cores sóbrias, de acordo com as determinações regionais. Sendo vedado o uso de camiseta e camisa gola polo. fivelas frontais, ou de couro cru, com ou sem guaiacas, mas sempre com uma ou duas  fivelas frontais, ambos deverão ter no mínimo 7cm de largura. cintura, ou seja, uma pessoa que use suas bombachas no tamanho 40, automaticamente deverá ter, aproximadamente, uma largura de cada perna de 40 cm.
Obs:  A largura das bombachas, na altura das pernas, deve ser tal que a caracterize como tal e não seja confundida com uma calça. As bombachas deverão estar sempre para dentro das botas.
2. PILCHA FEMININA
Obs. É vedado o uso de boinas e bonés.
- LENÇO: Com o uso do passador de lenço, com a medida de 30 cm a partir deste. Nas cores vermelho, branco, azul, verde, amarelo e carijó nas cores supra citadas e o peti pua, nascores : preto com bolinhas brancas, branco com bolinhas pretas, branco com bolinhas vermelhas, vermelho com bolinhas brancas, azul com bolinhas brancas e branco com bolinhas azuis. É possível, ainda, carijós em marrom ou cinza. frontal, podendo ter cortes e características femininas (rendas, babados, etc), em cores sóbrias, de acordo com as determinações regionais. Sendo vedado o uso de camiseta e camisa gola polo. com uma ou duas fivelas frontais. Ou de couro cru, com ou sem guaiacas, sempre comuma ou duas fivelas frontais. Ambos deverão ter no mínimo 7cm de largura. quando tiver um reforço na parte superior(cintura) imitando um cinto, com ou sem guaiacas e que tenha no mínimo uma fivela de tamanho grande(5 a 7cm). cores preta ou vermelha.de estilo feminino, ou seja, com aberturas laterais. A largura das bombachas, na altura da perna, será, aproximadamente, a mesma largura da cintura. Naturalmente as bombachas femininas serão mais estreitas do que as masculinas. pontiagudas. 
1) Aconselha-se que quando a prenda for montar com vestido ou saia, que ela use o selim e
não as montarias convencionais.
2) Poderão também ser usados os trajes alternativos regionais, desde que devidamente
comprovados e aprovados em Encontro Regional.
III - DA PILCHA PARA A PRÁTICA DE ESPORTES



Indumentária a ser utilizada nas atividades cotidianas, apresentações artísticas e
participações sociais, tais como bailes, congressos, representações, etc.
as características regionais.CHAPÉU: de feltro ou pelo de lebre com abas a partir de 6 cm, com a copa de acordo com . É vedado o uso de boinas e bonés. BARBICACHO: de couro, sola ou crina, podendo ter algum enfeite de metal. no caso do uso com algum tipo de nó, com a medida de 25 cm a partir deste. CAMISA: estilo social, com mangas longas ou curtas, com colarinho e botões na parte . A camisa deverá estar sempre por dentro das bombachas. CINTO (GUAIACA): tendo de uma a três guaiacas internas, ou não, com uma ou duas TIRADOR: de uso opcional, exceto para pealar. Quando usado, este substituirá o cinto FAIXA: de uso opcional. Quando usada deverá ser de lã, nas cores preta ou vermelha. BOMBACHAS: com ou sem favos, coincidindo a largura da perna com a largura da . BOTA: de couro, nas cores preta, marrom e amarela (baia). ESPORAS: de uso obrigatório para as categorias de rapaz, peão, veterano e facultativo FACA: O uso da faca na cintura é obrigatório para as categorias dos peões e rapaz, 
transparente), oxford.Padrão – liso ou riscado discretoCores – sóbrias, claras ou neutras, preferencialmente branca. Evitando cores agressivas econtrastantes .Gola – social (ou seja, abotoada na frente, em toda a extensão, com gola atual, com punho ajustado com um ou mais botões).
Mangas longas – para ocasiões sociais ou formais, como festividades, cerimônias, fandangos, concursos. Mangas curtas – para atividades de serviço, de lazer e situações informais.
Camiseta de malha ou camisa de gola pólo – exclusivamente para situações informais e
não representativas. Podem ser usadas com distintivo da Entidade, da Região
Tradicionalista e do MTG.